Segue o teu destino. Rega as tuas plantas. Ama as tuas rosas. O resto é a sombra de árvores alheias.

Terça-feira, 14 de Abril de 2015
Ilha flutuante em chocolate...

Chocolate, chocolate e chocolate... para quem gosta nunca é demais. Quem resiste a esta Ilha Flutuante em Chocolate? 

Uma fusão entre as famosas farófias, chocolate e caramelo, receita fácil, rápida, um sabor divinal e uma apresentação fantástica.

Uma pequena resalva, o resultado final não é uma mousse de chocolate, a consistência é mais líquida.

Farofa em chocolate

 

Farofa em chocolate

 

170g de chocolate, usei Nestlé chocolate caramelo

500ml leite

2 ovos

1 colher de chá de farinha

caramelo líquido q.b.

raspas de chocolate q.b.

 

Numa panela, em lume brando derreta o chocolate partido em pedaços com o leite. Mexa regularmente, até obter uma mistura homogénea. Depois de derretido, retire do lume e deixe arrefecer um pouco.

Numa tigela, misture as gemas e a farinha. Adicione lentamente o leite com chocolate morno (para as gemas não cozerem e talharem) e leve de novo ao lume, cerca de 5 minutos, mexendo sempre. Coloque nos recipientes de servir e leve ao frigorifico.
Bata as claras em castelo firmemente.  Faça pequenas bolinhas e coloque-as num prato. Coza as claras no microondas cerca de 30 segundos a 900w. Depois de frias acrescente as claras ao chocolate, derrame caramelo e por fim, umas raspas de chocolate. 



publicado por maria mendonça às 12:10
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Quinta-feira, 20 de Fevereiro de 2014
Pudim de Chocolate no Microondas

Este pudim de chocolate é algo especial. Primeiro, é feito no microondas, o que por si só parece estranho. Como já devem ter reparado, eu não sou muito adepta de microondas, bimbys e afins... Utilizo-o apenas para aquecer refeições.

Segundo, vou abrir uma excepção neste blog, e colocar uma receita que  não foi elaborada por mim, mas foi uma experiência de uma amiga A., e que resultou muito bem, e por ser de uma facilidade incrível, decidi, partilhar.

Utiliza um obejcto comercializado pela famosa marca de plásticos mas que entrou no nosso vocabulário a Tupperware, mas certamente poderá ser feito noutro recipiente. 

ingredientes para duas porções
200ml de leite 
50g de chocolate em tablete
2 ovos
25 ml de açúcar

Aqueça o leite com o chocolate durante 2 minutos, mexendo de vez em quando, até o chocolate estar completamente diluído, Deixe arrefecer um pouco. Bata os ovos com o açúcar e misture ao preparado anterior. Coloque no Microdelicia, mas pode ser noutro recipiente, coloque no microondas, potência máxima cerca de cinco minutos, convém parar ao meio e vigiar a cozedura. Depois de cozinhar, retire e deixe arrefecer. 


publicado por maria mendonça às 18:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Segunda-feira, 3 de Fevereiro de 2014
Brunch... bruschetta de ovos mexidos

Afinal, o que é um brunch?

Um pequeno almoço tardio ou um almoço mais leve, ideal para os fins de semana quando se acorda mais tarde. Uns ovos mexidos, cereais, compotas doces, tartes doces e salgadas, fruta, sumos naturais, café, chá podem compor a mesa para um brunch.

Sugestão de hoje, bruschetta de ovos mexidos com cogumelos.

 

3 ovos
6 cogumelos pleurotus
pão de batata doce
sal e pimenta q.b.
Utilizei cogumelos plerotus porque era os que tinha em casa, mas podem ser brancos laminados. Quando ao pão de batata doce é um delícia, mas pode ser substituido por qualquer outro de boa qualidade.
Comece por saltear os cogumelo laminados e tempere de sal e pimenta a gosto. Bata os ovos numa tigela e junte aos cogumelos, baixando um lume, deixe cozinhar, só um pouco, para não ficarem secos. 
Sirva de imediato sobre uma fatia de pão torrado. 


publicado por maria mendonça às 10:46
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Terça-feira, 26 de Novembro de 2013
Algo muito simples... queijo e marmelada

Por vezes, necessitamos de uma sobremesa e a mente leva-nos a receitas elaboradas e trabalhosas. Frequentemente, esquecemos as mais simples, como é o caso desta sugestão.

No realidade, nem existe receita, apenas queijo com marmelada. Pode ser uma sobremesa ou uma entrada, para petiscar enquanto aguardamos os restantes convidados para um jantar. Neste caso, sugiro que que se cortem em pedaços mais pequenos presos com alguns palitos.

Mas há um pormenor a ter em atenção, estes produtos devem ser de boa qualidade, de preferência caseiros. Tal como é o caso desta marmelada e no caso do queijo, utilizei queijo de cabra fresco do Algarve. É dos meus preferidos mas, reconheço que nem toda a gente aprecia, mas pode ser utilizado outro.

 

Atualização: Afinal esta sobremesa tem nome, confesso que desconhecia, Romeu & Julieta. 

 



publicado por maria mendonça às 11:30
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quinta-feira, 14 de Novembro de 2013
Amêijoas à Bulhão Pato
Mal vi estas amêijoas na peixaria, cá do sítio, decidi logo o que haveria de ser o meu jantar. E nem hesitei, na receita que ia fazer, seria um crime fazer de uma outra forma.
Uma receita fácil mas é no simples que reside o encanto, servi apenas com pão.... Amêijoas à Bulhão Pato.
1kg de amêijoas
2 dentes de alho 
2 colheres de sopa de vinho branco
100g de bacon picado
azeite q.b.

Sal q.b.
Pimenta q.b.

Comece por colocar as amêijoas em água com sal no frigorífico várias horas. Vá mudando a água, e repetindo o processo, para que larguem todas as areias. Escorras e  passe-as por várias águas, antes de as cozinhar.
Coloque o azeite num tacho e o bacon. Deixe fritar um pouco, adicione os alhos em lâminas mas não deixe queimar. Junte as amêijoas, os temperos, o vinho e tape. Vá agitando o tacho, ou mexendo com uma colher para que todas as amêijoas passem pelo molho. Quando estiverem  abertas retire do lume. Habitualmente, polvilha-se com coentros picados, ou quem gosta com salsa. E sirva de imediato. 





publicado por maria mendonça às 11:16
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Segunda-feira, 11 de Novembro de 2013
Folhado de figo com queijo chevre

Hoje quebro a tradição e apesar de ser dia de São Martinho, não falarei de castanhas, nem do pipinho, nem do vinho. Em vez disso, apresento algo doce, para alegrar o inicio da semana, sempre difícil para quem trabalha e também para quem procura trabalho. Infelizmente, cada vez mais neste retângulo à beira mar plantado...

Uma sugestão fácil de sobremesa: Folhado com doce de figo e queijo chévre 

massa folhada

compota de figo, de preferência caseira

Queijo chévre cortado às rodelas

mel q.b.

 

Corte a massa folhada em quadrados pequenos, coloque uma colher de chá de compota e sobreponha outro quadrado de massa folhada. Em cima coloque uma rodela de queijo chévre e regue com um pequeno fio de mel.

Leve ao forno, pré-aquecido, o tempo necessário para cozer a massa folhada, de acordo com as instruções da embalagem.

Sirva norma.

 

Nota: Esta sobremesa fi-la há algum tempo, andava meia esquecida nos arquivos, o que recordo foi que a massa folhada não cresceu muito. Habitualmente dupllica ou triplica de espessura, mas esta ficou assim, baixinha. 



publicado por maria mendonça às 11:40
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Terça-feira, 5 de Novembro de 2013
Feijão verde com salsichas e ovos mexidos

Por vezes, deixo de lado as receitas mais elaboradas e apetecem-me refeições mais leves e simples, como é o caso desta receita.

Faço-a muitas vezes, principalmente quando tenho feijão verde da horta fresquinho e totalmente biológico. 


1 cebola picada pequena

300g feijão verde cortado em juliana

1 lata de salsichas

2 ovos

2 colheres de sopa de vinagre

azeite q.b.

sal e pimenta q.b.

 

Faça um refogado com azeite e a cebola picada. Quando a cebola ficar transparente, adicione o feijão, os temperos e uma chávena de água, para não queimar. Tape e deixe cozinhar em lume brando. Quando o feijão estiver cozidos, adicione as salsichas cortadas às rodelas. Numa tigela, bata ligeiramente os dois ovos e adicione o vinagre. Para finalizar, adicione os ovos aos restantes ingredientes e mexa sempre. Desligue o lume, pois o calor continuará a cozer o ovos. Sirva de imediato, bem quente.

Habitualmente, não sirvo com nenhum acompanhamento, mas pode ser servido com uma arroz branco. 



publicado por maria mendonça às 11:12
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quarta-feira, 30 de Outubro de 2013
Batatas Camponesas com Tomilho

Quem me conhece, sabe que eu não sou nada fã de batatas, muito menos de batatas cozidas. No entanto, este ano, na época das batatas, tive muitas batatas novas e experimentei algo de diferente. Achei-as excelentes e de uma simplicidade tão grande, que já voltei a repetir, as batatas ficaram mesmo saborosas. No entanto, há que ter em atenção um pormenor importante, têm de ser batatas novas com a pele fininha e de tamanho médio.

Estas batatas servem como acompanhamento de um assado na perfeição, neste caso, uma carne de borrego.

 

 

 

Batatas novas com casca

Água

Azeite

2 dentes de alho

Sal, pimenta, pimentão doce e tomilho q.b.

 

Comece por lavar muito bem as batatas com a casca, uma vez que vão ser confeccionadas e servidas com a casca. Pode cozer as batatas inteiras, mas demora muito mais tempo, se quer economizar alguma energia, corte-as ao meio. Leve-as a cozer em água abundante temperada com sal. O tempo de cozedura depende das batatas, não podem cozer de mais, devem estar durinhas.

Escorra-as e corte-as em quartos no sentido longitudinal, tentando manter a pele intacta. Numa frigideira, leve ao lume bastante azeite, o suficiente para cobrir o fundo e pique os alhos. Tenha cuidado para os alhos não queimarem. Logo, que o azeite esteja bem quente, acrescente as batatas e os temperos. Deixe saltear bem as batatas, virando-as e mexendo de vez em quando, no final, polvilhe com o tomilho.
Podem ser servidas de imediato, ou acrescentadas num tabuleiro de forno juntamente com uma carne assada. Se forem ao forno, ficam um pouco mais secas, mas igualmente saborosas. 



publicado por maria mendonça às 11:20
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 7 de Outubro de 2013
Polenta com Bacalhau e Pimentos

Mais uma polenta, mas desta vez com o nosso fiel amigo, o Bacalhau...

Aproveitando os legumes da época tomates cereja e pimentos.

 

Polenta fria (ver receita)

1 cebola pequena

1 posta de bacalhau escaldada em leite

Meio pimento vermelho

Alguns tomate cereja

Azeitonas

Azeite, pimenta e sal q.b.

Salsa picada

 

Aqueça o azeite numa frigideira e aloure ligeiramente a cebola cortada em finas meias luas. Junte os pimentos cortados em cubos pequenos.  Deixe cozinhar um pouco e acrescente o bacalhau desfiado, as azeitonas laminadas e os tomates cereja inteiros. Tempera de sal e pimenta, a gosto, deixe apurar um pouco mais e desligue. Como o bacalhau já está quase cozido, este refogado é muito rápido a fazer, é um saltear de legumes.  Corte rodelas de polenta e coloque-as num grelhador, para marcarem e aquecerem.

Para a montagem do prato, coloque da rodelas de polenta no prato e acrescente a mistura do bacalhau, generosamente, em cima. Polvilhe com salsa picada e sirva de imediato.



publicado por maria mendonça às 11:45
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 16 de Setembro de 2013
Gelado de Caramelo

Uma verdadeira tentação, muito doce para aguentarmos mais uma segunda-feira e uma dura semana. Muito rápida de fazer, cheia de sabor e com sucesso garantido...

Sobremesa 5*!

 

1 lata de leite condensado cozido

2 iogurtes gregos açucarados

150 g de caramelo cobertos com chocolate

2 folhas de gelatina

 

Numa taça misture o leite condensado com os iogurtes. Adicione os caramelos picados e envolva. Demolhe a gelatina em água fria. Quando as folhas estiverem moles, escorra-as e leve ao microondas com duas colheres de água, cerca de 20segundos, o suficiente para derreterem. Deixe arrefecer ligeiramente e adicione à mistura do leite condensado. Deite numa forma do bolo inglês ou noutro recipiente. Leve ao congelador cerca de 3 horas.

Sirva com raspas de chocolate, bolcaha ralada ou chocolate derretido.

 

Breves Notas

Esta foi a receita que segui, mas deixo algumas sugestões, no sentido de melhorar. Relativamente, aos caramelos são difíceis de picar finamente, acontece que com a faca e com tempo quente, os caramelos começaram a derreter. Sugiro que se coloquem algum tempo no frigorifico e picá-los numa picadora.

O gelado fica bastante compacto, para o tornar mais leve, eu da próxima vez colocarei uma clara de ovo, batida em castelo. Acredito que vai tornar o gelado mais fofinho.

Esta sobremesa pode ser considerado um gelado ou um semi-frio. Aguenta-se bem no congelador. No entanto, sugiro retirá-lo uma meia hora antes de o servir, assim, o caramelo descongela e derrete ligeiramente. Torna mais fácil, cortá-lo e dá um efeito visual engraçado.



publicado por maria mendonça às 12:05
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Quinta-feira, 15 de Agosto de 2013
Crepes

Sobremesa versátil, tanto de inverno como de verão.... os crepes.

Os crepes são sempre um sucesso. Podem ser servidos como entrada, prato principal ou sobremesa, simples ou recheados, doces ou salgados, feitos com farinha normal, com farinha integral, desde os famosos crepes chineses até ao crepe suzette, as variedades são imensas.

 

 

 Receita mais simples:

1 ovo

1 copo de leite

1 copo de farinha

1 colher chá de azeite

sal q.b.

 

Deite a farinha num recipiente e coloque uma pitada se sal. Junta-se o ovo, misture tudo muito bem, acrescentando o leite para diluir os ingredientes. Trabalhe com um batedor de arame até obter uma massa lisa e no final acrescente o azeite. Deixe repousar uma meia hora.

Unte muito pouco o fundo de uma frigideira antiaderente com óleo. Deite a massa suficiente para cobrir o fundo da frigideira. Deixe fritar um pouco, em lume médio e quando estiver corado, vire com muito cuidado. Esta parte requer alguma prática mas depois de algumas tentativas torna-se num processo simples, esqueçam as cenas cinematográficas de atirar o crepe no ar {#emotions_dlg.sarcastic}...

 

Outra receita:

250g farinha

2 ovos

1 copo de leite

3 colher de chá de licor

raspa de limão ou laranja 1 colher se sopa de manteiga derretida

pitada de sal

 

Receitas de crepes:

Crepe salgado com presunto



publicado por maria mendonça às 11:04
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 9 de Agosto de 2013
Gnocchi com molho tomate
Para mim cozinhar é um enorme prazer e nunca me canso. Há receitas mais simples, outras mais elaboradas, nem sempre saem bem... E às vezes, basta estar mais chateada, para que o jantar seja uma desgraça...

Também acontece, por vezes, recorrer a ingredientes já preparados... por exemplo, estes Gnocchi. 

A cozinha italiana é uma das mais ricas, e vai muito para além das famosas pastas e pizzas, como por exemplo os gnocchi. Os gnocchi são um prato italiano, que ando com alguma vontade de preparar mas demora algum tempo a confeccionar. Na realidade, são umas bolinhas feitas de puré de batata ou de espinafres com gema de ovo, para ligar, com queijo e farinha. Os verdes de espinafres são muito mais requintados. Só de pensar em cozer as batatas, fazer o puré, juntar os ingredientes e fazer bolinhas, tenho desistido...

Preguiçosamente, encontrei estes Gnocchi de batata já prontos {#emotions_dlg.sarcastic} numa grande superficie comercial...

Foi o ideal, bastou cozê-los em agua a ferver com sal, dois a três minutos, o ideal até flutuarem e depois utilizei um molho base bolonhesa Q.B. da Guloso e queijo emental em cima.

Ficou delicioso e sem trabalho quase nenhum...

Fica a minha sugestão, para os dias que não queremos estar na cozinha.




publicado por maria mendonça às 11:00
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 7 de Agosto de 2013
Salada de Verão

Uma verdadeira salada de Verão, porque o calor aperta e a preguiça também... Basta olhar para a despensa, o frigorifico e aproveitar os ingredientes disponíveis. Algo saudável, fresco e leve mas saboroso!

Massa farfalle (lacinhos) cozidos

Bróculos, ligeiramente cozidos

Cebola

Pimento vermelho

Cenoura

2 latas de atum

4 delícias do mar

2 ovos cozidos

azeitonas

 

 



publicado por maria mendonça às 11:00
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 8 de Julho de 2013
Crepe Salgado com Presunto

Com este tempo muito quente, apetece comer algo mais leve, não passar muito tempo na cozinha. Sugestão de hoje, uns crepes salgados com queijo, presunto, tomate seco e azeitonas.

 

 

 

Ingredientes:

2 crepes finos

2 colheres de sopa de queijo, usei feta
2 colheres de sopa de tomates secos picados

algumas azeitonas sem caroços picadas
2 fatias de presunto cortadas aos pedaços

A receita dos crepes, usei uma partilhada neste blog.(ver receita)
Enquanto o crepe ainda está na frigideira, já virado e em lume brando, coloco os ingredientes num quarto do crepe, um pouco de queijo feta desfeito, tomate seco, azeitonas e presunto aos pedaços. Deixo o queijo derreter e dobro o crepe, em quatro. 

Deve ser servido de imediato. Se for, para servir a várias pessoas, o ideal é colocar os crepes num tabuleiro e manter quente no forno, enquanto se confeccionam os restantes. Pode ser servido com uma salada de alface.



publicado por maria mendonça às 16:34
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Terça-feira, 18 de Dezembro de 2012
Souflé de Atum e Espinafres

Nesta época natalícia, existem muitas receitas que só utilizam gemas de ovo, sobrando depois as claras... E o que fazer com elas?

Seguindo a mesmo principio de que tudo tem de ser aproveitado, surge esta receita uma reciclagem de claras, um Souflé de Atum com Espinafres. Simples e sensacional... foi um surpresa!  

duas latas de atum de conserva em óleo

200 g de espinafres cozidos 

1 dl de maionese

30 g de farinha

1dl de leite

3 claras

margarina, sal e pimenta q.b.

 

Retira-se o óleo ao atum e desmancha-se o atum com um garfo num prato. Coloca-se a maionese numa tigela grande e mistura-se bem com a farinha. Adiciona-se depois o leite, alternando com o atum e os espinafres. Mistura-se tudo muito bem e tempera-se a gosto com sal e pimenta.  Bate-se as claras em castelo bem firmes, envolvem-se no preparado anterior, apenas envolver e nunca bater, num movimento de baixo para cima. Deve ficar uma massa bastante fofa. Deita-se numa forma de pirex alta untada com margarina. Vai ao forno de calor moderado, logo que a a superfície fique corada, diminui-se um pouco o calor até completar a cozedura, no total cerca de 20 minutos.

Retira-se do forno e serve-se imediatamente, caso contrário, o soufflé afunda-se completamente e perde a sua beleza e o nome...   



publicado por maria mendonça às 11:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

posts recentes

Ilha flutuante em chocola...

Pudim de Chocolate no Mic...

Brunch... bruschetta de o...

Algo muito simples... que...

Amêijoas à Bulhão Pato

Folhado de figo com queij...

Feijão verde com salsicha...

Batatas Camponesas com To...

Polenta com Bacalhau e Pi...

Gelado de Caramelo

pesquisar
 
subscrever feeds
tags

todas as tags

arquivos
links
Visitantes da Quinta
PageRank
All recipes are on Petitchef Top blogs de receitas


mais sobre mim