De Ermelinda Salvado a 26 de Julho de 2009 às 19:42
Efectivamente não pode haver cheesecake sem queijo cheese ), seja ele da variedade que for. Até admito que seja feito com queijo fresco ou com requeijão mas nunca com natas.
A receita que aparece parece-me outra coisa. Tenho esta receita, com o nome de semi-frio de natas - assim sim! faz sentido. A única variante é que é coberta com bolacha-maria ralada em vez de compota de frutas.
E já agora, corroboro as palavras dos outros comentários, especialmente da que diz que a textura cremosa daria o nome à receita de, quando muito, creamycake.
Uma vez que a receita é de sua autoria, não pensou ainda em mudar o nome? Eu fá-lo-ia, no mínimo para respeitar os ingredientes e o valor linguístico que cada palavra transporta em si. Ou seja, não é só a língua que não varia de país para país, também o nome dos ingredientes que servem de base às receitas não podem variar.
Gostaria de ver um comentário de um chef ', que certamente lhe sugeriria o que sugeri - mude o nome à receita e a questão não levanta celeuma.
Seja feliz!


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres