Segue o teu destino. Rega as tuas plantas. Ama as tuas rosas. O resto é a sombra de árvores alheias.

Sábado, 21 de Fevereiro de 2015
Laranja de ouro

 Para combater essas gripes e constipações que muitas pessoas apanharam com os dias frios, pelos quais todos passamos, nada melhor, que uma boa laranja. A laranja pode ser consumida descascada e comida ao natural, ou espremida para obter sumo. Muito rica em vitamina C  (ácido ascórbico) fortalece a formação de dentes e ossos, previne gripes, fraqueza muscular, infecções e ajuda no sistema imunológico.

Já comeu a sua fruta, hoje?

laranja

 

 



publicado por maria mendonça às 17:14
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 3 de Setembro de 2013
Amoras Silvestres

Esta foi a colheita do dia... {#emotions_dlg.drool}
Considero-me uma privilegiada, ainda puder ter o prazer de saborear estes frutos que crescem espontaneamente e que não vêm nas caixas do supermercado.

Este sim, é o verdadeiro luxo da vida!

 



publicado por maria mendonça às 14:45
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Quinta-feira, 27 de Setembro de 2012
Simplesmente Figos...

 

"A maneira correcta de comer um figo à mesa

É parti-lo em quatro, pegando no pedúnculo,

E abri-lo para dele fazer uma flor de mel, brilhante, rósea, húmida, desabrochada em quatro espessas pétalas.

Depois põe-se de lado a casca

Que é como um cálice quadrissépalo,

E colhe-se a flor com os lábios.

Mas a maneira vulgar

É pôr a boca na fenda, e de um sorvo só aspirar toda a carne.

Cada fruta tem o seu segredo.

O figo é uma fruta muito secreta.

Quando se vê como desponta direito, sente-se logo que é simbólico: Parece masculino.

Mas quando se conhece melhor, pensa-se como os romanos que é uma fruta feminina."

D. H. Lawrence

 


publicado por maria mendonça às 10:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sábado, 8 de Outubro de 2011
Os últimos...

Figo, substantivo masculino, fruto da figueira (e de outras plantas), que é uma infrutescência denominada sicone; fig. coisa amarrotada ou muito doce; reprimenda;(do latim, ficus)

 


tags: ,

publicado por maria mendonça às 10:21
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 22 de Novembro de 2010
Marmelos assados no forno

Ainda marmelos, estes foram assados no forno. Básico, fácil, rápido e muito bom.

 

 

Partem-se em metades, retira-se só o caroço e passam-se por sumo de limão para não oxidarem, num recipiente refractário polvilham-se com açúcar amarelo e canela, cobrem-se com folha de alumínio e vão ao forno cerca de 30 a 40 minutos.

Servidos ainda mornos. 

 

 



publicado por maria mendonça às 08:00
link do post | comentar | favorito

Sábado, 20 de Novembro de 2010
Beleza de Maçãs!

Olho para elas e só me recordo a famosa história.

A Bruxa Má aceita um copo de água e em sinal de agradecimento oferece a Branca de Neve uma maçã.

- Olha que bela maçãzinha rosada te ofereço, uma só dentada para experimentares. Que sumarenta e docinha que é....

Infelizmente a dela tinha veneno, mas estas não... Podemos dar-lhes dentadinhas à vontade.

 

 

Moral da história: Muita atenção, no nosso tempo ainda existem bruxas más com presentes envenenados,  há muita maçã bonita por aí, mas altamente venenosas!!! Cuidado onde se mete o dente ;)

 



publicado por maria mendonça às 09:27
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 15 de Novembro de 2010
Que belos marmelos!!

Com este título, hoje as visitas da Quinta vão aumentar, certamente, o contador vai disparar!! LOL

Mas os marmelos a que me refiro são estes... 

 

 

 



publicado por maria mendonça às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Domingo, 7 de Novembro de 2010
Diospiros de roer

Estes não são desta quinta, mas de outra, completamente biológicos, daí não serem muito grandes. Um verdadeiro miminho...

Diferentes dos diospiros mais vulgares, conheço-os pela designação de diospiros de roer ou diospiros maçã. Têm este nome porque não são moles como os normais e não se comem à colher, descascam-se e comem-se como as maçãs.

 

 



publicado por maria mendonça às 15:54
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito

Segunda-feira, 17 de Novembro de 2008
Fim da normalização na UE

 

A partir do dia 1 de Julho de 2009, estas pêra já poderão estar à venda.

 

 

A Comissão Europeia propôs uma alteração das regras de normalização das frutas e legumes. Assim poderão ser postos à venda legumes e frutos não calibrados e assim os preços  poderão vir a baixar 40%, diz uma notícia do Público.

Afinal, após tanta regra, normalização de cor e tamanho, entenderam que em época de crise essas medidas não fazem sentido.  Claro que uma maçã é uma maçã, independentemente do seu aspecto.

 

No entanto a CAP (Confederação dos Agricultores de Portugal) adianta que suspeita que os preços da fruta e legumes deverão manter-se inalterados, mesmo que a Comissão Europeia suspenda a regra da calibragem. O fim da normalização poderá dificultar a vida aos produtores no estabelecimento de preços e a sua  comparação, uma vez que não haverá referencias.  E alertou para o facto que os consumidores poderão vir a ser prejudicados com produtos de outros países não normalizados.

 

Não consigo entender....

Quando a normalização chegou aos agricultores portugueses, estes reclamaram que tinham boa fruta mas que como não estaria dentro dos calibres não poderia ser colocada à venda e haveria muito desperdício e a que passava teria um preço elevado. Mas agora que toda pode ser vendida e dizem que o preço não irá baixar. Então se tudo o que será colhido das árvores for aproveitado o preço por quilograma terá de baixar. Quanto aos preços as leis da concorrência  irão estabelece-los. 

Parece-me que se estão já a aproveitar para manterem os preços altos e assim obter um maior lucro.    
 

 

 

 

 


 



publicado por maria mendonça às 09:20
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quinta-feira, 4 de Setembro de 2008
Colheita dos maracujás

Os primeiros maracujás do ano passado não saíram muitos bons, eram ocos por dentro e fiquei um pouco desiludida. Este ano desde que comecei a ver a quantidade de flores e de frutos que estavam a crescer, comecei a ficar ansiosa para que amadurecessem para os provar.  Reparem na quantidade de "bolinhas" penduradas na fotografia da esquerda. Do lado direito já se pode ver um maracujá mais roxinho.

 

 

 

Quando começam a ficar roxos, chegou a hora! Estes não são ocos, são bem sumarentos por dentro. Que maravilha! Valeu a pena esperar. Nem tenho que os apanhar, eles vão ficando mais escuros e caem sozinhos, depois só tenho que dar uma vista de olhos no canteiro para tirar os que caíram. Tenho recolhido frutos todos os dias. 

Já ando a pensar em aumentar a produção caseira, pois ainda tenho mais dez plantinhas em vasos e que precisam, urgentemente, serem transplantados. Só ainda não decidi o melhor sítio para os colocar. Um local com bastante sol, um pouco abrigado da geada no Inverno, têm que ter algo para trepar, pois é uma planta trepadeira.

Já começo a não ter espaço cá em casa para tudo!

 

  



publicado por maria mendonça às 15:32
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito

Quarta-feira, 23 de Julho de 2008
Ainda as physalis

Se bem se lembram no ínicio de Junho escrevi um post sobre Physalis. Comprei na altura duas plantas, mas cheia de reservas pois não estava muito certa que a planta desse algum fruto.

Bem, surpreenderam-me, além de darem imensos frutos crescem a olhos vistos.

 

 

Estas são as flores que crescem por todo o lado.

 

 

E estes são os frutos que ficam pendurados.

 



publicado por maria mendonça às 10:01
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 2 de Julho de 2008
Pêssegos

Ainda falta um pouco para os colher, este é o estado actual dos pêssegos. Ainda estão verdes não e não são muito grandes mas já se começa a sentir o cheiro!

 

 



publicado por maria mendonça às 10:19
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Segunda-feira, 23 de Junho de 2008
Os maracujás

Que contente que estou com os meus maracujás. Já tinha comentado com o maridão que este ano não iamos ter maracujás, uma vez que havia muitas flores mas frutos não via nenhuns. Reparei melhor na planta e começo a ver as bolinhas verdes penduradas. Depois vejo outra e outra e mais, nem os contei mas sei que são muitos.

Reparem na planta cheia de flores ainda por abrir. Que bom!!

 

 

 

 



publicado por maria mendonça às 10:17
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Sexta-feira, 23 de Maio de 2008
Flores de Maracujá (Passifloraceae)

O seu uso principal, é na alimentação humana e pode ser  consumido tanto através de sumos, como doces ou gelados, mas são consumidos preferencialmente ao natural. Têm um sabor agradável e exótico de baixa acidez e com alto valor nutritivo.

O maracujá é um fruto  também conhecido como fruto da paixão. Como curiosidade refira-se que este nome se deve aos missionários jesuítas que quando o viram pela primeira vez, devido à sua cor púrpura (usada tradicionalmente na quaresma) e ao seu formato que lembrava a coroa de espinhos com que Jesus foi crucificado, deram-lhe o nome de fruto da paixão porque tudo lhes lembrava a paixão de Cristo. 

Estes foram plantados no ano passado, já deram alguns frutos mas a contar pelo número elevado de flores que têm agora, a grande colheita será este ano... Ficamos a aguardar!

 

 

 

  



publicado por maria mendonça às 10:41
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quarta-feira, 30 de Abril de 2008
Kiwis (Actinia chinensis)

Parece que este ano, se tudo correr bem, vai haver kiwis na Quinta e não serão neozelandeses. Espero que aquelas "bolinhas" se desenvolvam em algo mais! 

 

O kiwi (Actinia chinensis ) é um fruto comestível proveniente de algumas espécies do género Actinidia , e seus híbridos, originárias do sul da China. Plantas típicas de locais com clima temperado ou subtropical de montanha. O fruto é ovalado,  tem uma casca fibrosa, baça, castanho-esverdeada  que cobre uma polpa verde brilhante que contém umas pequenas sementes negras comestíveis. Quando maduro o fruto é sumarento e macio, com um paladar e cheiro muito característicos.  É considerado o fruto comercial com maior quantidade de vitamina C já identificado, além de ser particularmente rico em alguns oligoelementos , como o magnésio, o potássio e o ferro.

Em relação à planta é uma trepadeira de folha caduca. Gosta de solos arenosos e sem presença de cloro, ph entre 6 e 7. Prefere solos profundos e e ricos em matérias orgânicas.

De salientar um pormenor importante, é necessário ter uma planta macho e uma planta fêmea e só as fêmeas dão fruto. Com um macho podemos colocar 6 a 7 fêmeas.  No entanto, existem no mercado kiwis auto férteis, que se reproduzem sozinhos.




publicado por maria mendonça às 09:10
link do post | comentar | favorito

posts recentes

Laranja de ouro

Amoras Silvestres

Simplesmente Figos...

Os últimos...

Marmelos assados no forno

Beleza de Maçãs!

Que belos marmelos!!

Diospiros de roer

Fim da normalização na UE

Colheita dos maracujás

pesquisar
 
subscrever feeds
tags

todas as tags

arquivos
links
mais sobre mim