Novo Blog: https://marym.blogs.sapo.pt

Segunda-feira, 23 de Setembro de 2013
Receita Base de Polenta

O meu fascínio pela gastronomia italiana surgiu há muito tempo. É uma culinária muito rica, variada, mediterrânea, muito semelhante à nossa. Têm, ambas, por base o azeite, azeitonas, tomates, pimentos, ervas de cheiro, vinho, pão, massas fermentadas, farinhas e sêmolas, etc.

No século XVI, o milho passou a ser conhecido no nordeste de Itália e depressa se tornou um alimento básico na alimentação, a partir daí a polenta passou a estar presente na mesa a  todas as refeições. A polenta é basicamente uma sêmola de trigo cozida, que depois serve de base na confecção de vários pratos.

Existem três tipos de polenta: a clássica polenta amarela (foi a que fiz), polenta branca, feita com farinha de milho clara e a polenta negra, feita com trigo sarraceno.

Inicialmente, colocarei a receita base da polenta e posteriormente irei acrescentar várias receitas.

 

 

125g de sêmola de milho

3/4 litro de água

sal

 

Numa panela leve a cozer uma pitada de sêmola de milho na água temperada com sal. Quando a água começar a ferver, deite lentamente a sêmola restante, sem parar de mexer. Mexa tanto mais energicamente, quanto mais consistente estiver a polenta. Se, entretanto se formarem grumos, desfaça-os com um garfo. Reduza o lume e deixe cozer cerca de 30minutos, mexendo sempre.

Esta é a parte essencial da receita, não se pode parar de mexer e quando a massa fica mais grossa e muito quente, formam-se bolhas ao ferver que rebentam e podem espirrar. Muito cuidado para não se queimarem.

A polenta está pronta quando a polenta se começa desprender de uma crosta que se forma no fundo da panela. Deite-a numa tábua de trabalho e alise-a com uma faca.

Enquanto estiver quente, a polenta corta-se com um fio, quando arrefecer corta-se com uma faca. Esta deixei arrefecer. 



publicado por maria mendonça às 12:00
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Segunda-feira, 11 de Julho de 2011
Pipocas

Cá em casa, é raro ver televisão... Talvez porque não existe televisão por cabo e cada vez mais os programas da televisão dita, generalista, são lixo, excepção da RTP2. Ontem, apesar, dos relatórios que tenho para entregar e de todo o trabalho pendente, a concentração estava no limite mínimo.  Por isso, foi tarde de cinema... E que bem, que soube!

Rever A Guerra da Estrelas, episodio um, acompanhada de uma enorme taça de pipocas... Combinação perfeita!

 

 

Acho que todos as sabem fazer...

1 copo de milho

1 copo de óleo

açúcar q.b.

 

Verter o óleo numa panela, bastante grande e colocar ao lume. Quando o óleo estiver quente, rapidamente deitar o milho e fechar imediatamente. Sacudir a panela várias vezes, até que se deixe de ouvir o milho a explodir. Deitar numa taça e polvilhar de açúcar.

Simples... Até a Pintas aprovou!

 



publicado por maria mendonça às 07:00
link do post | comentar | favorito

posts recentes

Receita Base de Polenta

Pipocas

pesquisar
 
subscrever feeds
tags

todas as tags

arquivos
links
Visitantes da Quinta
All recipes are on Petitchef Top blogs de receitas


mais sobre mim