Segue o teu destino. Rega as tuas plantas. Ama as tuas rosas. O resto é a sombra de árvores alheias.

Segunda-feira, 28 de Outubro de 2013
Bolo Nega Maluca

O Bolo Nega Maluca é um bolo muito popular no Brasil, país do café e chocolate...  

O nome é tem uma história bastante original e remonta aos tempos de escravidão, em que uma escrava com problemas cognitivos fazia um delicioso bolo de chocolate e que acabou sendo conhecido como "Bolo da Nega Maluca". 

Se gostam de chocolate, não deixem de experimentar, é uma verdadeira delicia.

 

 bolo:

2 chávenas de chá de açúcar
2 chávenas de chá de farinha de trigo
1 chávena de chá de chocolate em pó
1 chávena de chá mal cheia de óleo
3 ovos
1 colher de chá de fermento em pó
1 chávena de chá de água 

1 pitada de sal

 

molho
3 colheres de sopa de leite
3 colheres de sopa chocolate em pó
1 colher de sopa de manteiga
3 colheres sopa de açúcar

 

Separe as gemas e as claras. Bata as gemas com o açúcar até ficar um creme esbranquiçado e adicione o óleo. Desfaça o chocolate na água e acrescente com cuidado às gemas. Bata as claras em castelo com uma pitada de sal. No final, acrescente ao preparado das gemas,  a  farinha misturada com o fermento alternando com as claras em castelo.
Unte um tabuleiro com manteiga e polvilhe com farinha. Coza  num forno pré-aquecido. Para verificar se o bolo está cozido usar um palito, quando o palito sair completamente seco, retire imediatamente.
Para confeccionar o molho, leve ao lume todos os ingredientes, deixe que derretam e misture muito bem. Quando engrossar, regue o bolo ainda quente com o molho também quente. Sirva o bolo na própria forma. Pode conserva-lo no frigorifico.
Nota: Habitualmente, eu gosto deste bolo bastante húmido, por isso costumo fazer o dobro da receita para o molho.  


publicado por maria mendonça às 11:10
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013
Tarte de Limão com Framboesas

O prometido é devido, a receita da Tarte de Limão com Framboesas.

Óptima, para este tempo quente e causar uma boa sensação nos convidados, ela é 5*! 

 

 

 

400g de massa quebrada

4 ovos

100g de açúcar

meio limão

3 folhas de gelatina

sal q.b.

150g de framboesas

100ml de natas

1 colher de açúcar

 

Numa forma untada e polvilhada com farinha de 30cm, estenda a massa e pique-a com um garfo. Coloque uma folha de papel vegetal em cima dela e alguns feijão e leve ao forno cerca de 20min a 30min. Os feijões servem para fazer peso e a massa crescer uniformemente, é um pequeno truque culinário.

Separe as gemas das claras e junte às gemas o sumo de limão e o açúcar. Leve este preparado em banho-maria cerca de 8min, é importante mexer sempre, até ficar um creme homogéneo e mais grosso. Esta é a operação mais delicada, para as gemas não cozerem rapidamente e o creme ficar com grumos, mantenha o lume médio e não pare de mexer.

Amoleça as folhas de gelatina em água fria, quando ficarem moles, escorra-as e adicione ao creme ainda morno, para ficarem bem incorporadas, mexa bem o creme e deixe arrefecer.

Bata as claras em castelo, juntando uma pitada de sal. E quando o creme estiver arrefecido, acrescente as claras em castelo, delicadamente. E por fim, com cuidado, incorpore as framboesas inteiras, a este creme. Deite este preparado na base da massa, que já deve estar arrefecida, leve ao frigorífico, para solidificar um pouco, enquanto prepara o chantilly.

No fim, faça o chantilly com as natas e o açúcar e cobra ligeiramente a tarte.

Decore a gosto com rodelas, ou casquinhas de limão, coloque no frigorifico. Esta tarte deve ser servida bem fria. 



publicado por maria mendonça às 13:00
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2013
Bolinhos de Corn Flacks

A Protecção Civil já avisou o país inteiro em alerta amarelo ou laranja, chuva e ventos fortes, cuidados redobrados... 

Estes bolinhos combinam bem com estes dias, Bolinhos de Cornflacks. Acompanhados de um bom chá e uma lareira acesa, sugestão para o lanche.

Bom Fim de Semana!

2 ovos
150g de manteiga
1 chávena chá de açúcar
3 chávenas de chá de farinha
1 colher de sobremesa de fermento
meia chávena de amêndoa pelada e picada
meia chávena de passas
uma chávena de corn flacks
Bate-se a manteiga com o açúcar. Junta-se os ovos inteiros e continua-se a bater, até se obter um creme homogéneo. Adiciona-se a farinha com o fermento, as passas e as amêndoas. Formam-se umas pequenas bolinhas que se passam em corn flacks. Colocam-se num tabuleiro untado e polvilhado e vai ao forno, cerca de 20 minutos.


publicado por maria mendonça às 11:15
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 22 de Outubro de 2012
Bolo de Framboesas
"Vivemos a vida como se ela fosse interminável. Mas ela é tão breve. Entre a infância e a velhice, há um pequeno intervalo de tempo. Olhe para a  sua história! Os anos que você viveu não passaram rapidamente?
A vida é tão breve como os raios de sol que surgem sorrateiramente na mais bela manhã e se despedem subtilmente ao anoitecer sem deixar vestígios..."
Augusto Cury
 

No último domingo, foi dia de festa na Quinta. É sempre bom reunir as amigas, à volta de um bom chá, um bom bolo e uma boa conversa.

O tema de conversa, foi mesmo este, a vida é muito curta para se acordar com arrependimentos. Aproveite cada dia ao máximo!

 Quanto ao bolo, este traz muitas lembranças de festas antigas para muitas pessoas, conhecido na família como o Bolo de Morangos. Habitualmente, era o bolo servido em muitas festas de aniversários.

Acontece que não encontrei morangos, por isso, apenas alterei os morangos pelas framboesas. E ficou divinal!

 

6 ovos
8 colheres de sopa de açúcar
6 colheres de sopa de farinha
2 colheres de sopa de fécula de batata
1 colher de café de fermento
 
2 embalagens de framboesas ou morangos
2 dl de natas
2 colheres de sopa de açúcar
vinho do porto branco
 
Separe as gemas e as claras. Bata as gemas com o açúcar até ficar um creme esbranquiçado. Bata as claras em castelo. No final, acrescente ao preparado das gemas os ingredientes secos (farinha, fécula e  fermento) alternando com as claras.
Unte um tabuleiro com manteiga e polvilhe com farinha. Coza nesse tabuleiro, num forno pré-aquecido. Demora pouco tempo a cozer.
 
Depois de cozido, desenforme e deixe arrefecer. Bata as natas com o açúcar em chantilly firme. Parta o bolo em duas partes iguais. Regue uma das partes com o vinho do porto, barre com metade chantilly e cubra com metade das framboesas. Coloque a outra metade do bolo. Regue, novamente, com o vinho do porto, com o chantilly e enfeite com as framboesas. Coloque no frigorifico, sirva bem frio.
 


publicado por maria mendonça às 10:45
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 15 de Agosto de 2011
Alegrar a tarde...

 

...um chiffon de laranja. Mas o que é afinal, um chiffon?

 

Bolo Chiffon é um bolo de uma extrema delicadeza e leveza, no entanto este deve ser feito com rigor. Para a sua confecção é necessário, juntar todos o ingredientes secos e de seguida, incorporar os ingredientes líquidos. Bate-se este preparado, muito bem, até se obter uma massa cremosa. No final, batem-se as claras em castelo firmes e incorporam-se, delicadamente  à massa anterior e vai ao forno. Outra subtileza desta receita, é o facto de quando cozido, deve esfriar com a forma invertida, isto é, virada para baixo.

Muitas das receitas tem como ingrediente cremor tártaro, que se pode encontrar nas farmácias. Esta minha não tem, o que facilita. O de laranja e de chocolate, são sem dúvida, os Bolos Chiffons mais famosos. 

 

 

1 chávena e meia de açúcar

1 chávena e meia de farinha

3/4 chávena de óleo

1/2 chávena de sumo de laranja

raspa de uma laranja

1 colher de café de sal fino

1 colher de chá de fermento em pó

6 ovos

margarina para untar a forma

 

Misture o açúcar com a farinha e o fermento e depois junte-lhe o óleo, o sumo, a raspa, o sal e as gemas. Bata muito bem cerca de 20 a 30 minutos. Bata de seguida as claras em castelo bem firmes e adicione ao batido com cuidado.  Unte bem a forma e polvilhe com farinha. Deite o preparado, alise e leve a cozer em forno moderado cerca de 60 minutos. Depois de pronto (convém verificar com um palito), retire do forno e vire de imediato, sobre 4 copos e deixe arrefecer assim mesmo, virado para baixo. Depois de frio, as fatias são uma delícia.

 

{#emotions_dlg.meeting} O bolo da foto não foi virado para baixo, normalmente fica ainda mais fofinho. Esqueci-me!!

 

 



publicado por maria mendonça às 16:49
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

posts recentes

Bolo Nega Maluca

Tarte de Limão com Frambo...

Bolinhos de Corn Flacks

Bolo de Framboesas

Alegrar a tarde...

pesquisar
 
subscrever feeds
tags

todas as tags

arquivos
links
All recipes are on Petitchef Top blogs de receitas


mais sobre mim