Segue o teu destino. Rega as tuas plantas. Ama as tuas rosas. O resto é a sombra de árvores alheias.

Quinta-feira, 22 de Outubro de 2009
Uma aventura no Ministério da Educação...

No Circo de Pulgas

http://circodepulgas.blogs.sapo.pt/

 



publicado por maria mendonça às 23:47
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 15 de Setembro de 2009
Comentários do nosso Primeiro

 

No Circo de Pulgas

 

http://circodepulgas.blogs.sapo.pt/8261.html

 



publicado por maria mendonça às 00:00
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 1 de Setembro de 2009
No Circo...

"Promessas leva-as o vento!"

 



publicado por maria mendonça às 23:02
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 24 de Agosto de 2009
Como esta juventude vai...

Depois de um Fim de Semana em grande.... só mesmo isto.

Carolina Patrocínio  no Circo de Pulgas.

 



publicado por maria mendonça às 09:09
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quarta-feira, 3 de Dezembro de 2008
Está nas nossas mãos!

 

 

 

PROFESSORES LUTAM PELA DIGNIFICAÇÃO DA SUA PROFISSÃO

E EM DEFESA DA ESCOLA PÚBLICA!

 

Colegas, chegou mais um dia de luta, está nas nossas mãos.

Eu vou fazer! Vou de luto, para combinar com o meu espírito interior. Este dia de greve será diferente dos anteriores, mesmo sem apoio dos sindicatos, já estão organizadas as faixas e fizeram-se contactos para divulgarmos as nossas posições, medos e angústias. O dia não será passado em casa, mas comecerá bem cedo, 8h25m (hora da minha primeira aula) com a concentração dos professores junto ao portão da escola. Estou certa que a adesão será de quase 100% na minha escola, e muitas escolas fecharão. 

Por uma Escola  Pública de qualidade, iremos onde tivermos que ir.  Por uma escola melhor do que esta, eu vou até onde for necessário. Os meus alunos merecem!

Uma palavra de apoio ao Conselhos Executivos que têm dado a cara pelos colegas. Tiveram a coragem que a muitos faltou, são a nossa estrela guia.

Cada dia que passa mais tenho orgulho na minha profissão, somos Professores com P grande.

Somos dignos e corajosos! Professores para toda a vida!




 

 



publicado por maria mendonça às 00:47
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito

Quarta-feira, 19 de Novembro de 2008
Também, vi o Primeiro na tv!

Em jeito de continuação do post de ontem, também vi o nosso Primeiro na televisão.  Andava ele a visitar a  feira Portugal Tecnológico em Lisboa, juntamente com  5 ministros e 5 secretários de estado.

Será  que essa gente não tinha mais nada para fazer de importante durante a tarde do que irem todos visitar uma feira? Não poderia ter ido um só em representação dos outros todos? E ainda por cima demoraram quatro horas!

Quer dizer que gastaram, basicamente uma tarde, do seu precioso trabalho para ir visitar a feira e discutir as novos gadgets.

Ouvi-o também dizer que no futuro ter ligação de banda larga será como acender a luz num interruptor e que brevemente existirá  banda larga em  todo o país com 100 Mega, que segundo ele, fará toda a diferença para as famílias e para as empresas. Então o INEM e os bombeiros mal chegam a todo o país mas a a diferença se as pessoas vivem mal e morrem a caminho do hospital, ou à espera de uma ambulância? Em que  país vive, Sr. Engenheiro? Certamente não é no mesmo que o meu. Não sabe distinguir o que é básico do que é secundário? 

Depois ainda vi o Magalhães. E lembrei-me da minha colecção de livros que lia em criança, "Anita na escola", "Anita no circo", "Anita de ferias". Mas neste caso é mais, "Magalhães na Cimeira Ibero-Americana", "Magalhães na apresentação do orçamento", "Magalhães nos carros da GNR", ...

Parece Deus, está em todo lado. Tudo o que é demais, enjoa.



publicado por maria mendonça às 23:18
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 14 de Novembro de 2008
Falou o Presidente...

Presidente da República, Cavaco Silva finalmente pronunciou-se sobre o estado caótico da educação. Mas não disse muito.

Fez hoje um apelo "à serenidade" na educação e pediu que todos os intervenientes façam "um esforço de desanuviamento" para "ultrapassar os problemas".  Perante estas declarações acho que o Presidente não tem consciência da verdadeira situação que se vive dentro das escolas. Parece um barril de pólvora prestes a explodir, só falta acender-lhe o rastilho.  Por muita boa vontade que algumas pessoas ainda tenham em avançar com o processo da avaliação, ninguém sabe como.  A situação já não se ultrapassa com um simples esforço, esse esforço já foi feito. A nosso grito já é de desespero, Sr. Presidente ouça-nos, reúna uma equipa de trabalho para ter mais informação sobre o que se passa no interior.  A conversa da MLR de que o processo está a avançar serenamente nas escolas e que as escolas é que complicam, é mentira.

 

Condenou ainda "inequivocamente" os "desacatos e os insultos protagonizados por alguns alunos" nos últimos dias.

Concordo que os desacatos e a postura dos alunos não foi a melhor. Certamente não foi a escola que lhes ensinou a agir assim. Ensino os meus alunos que os conflitos devem ser ultrapassados com respeito pelos outros e com muito dialogo.

Ainda hoje de manhã alguns dos meus alunos faltaram para fazerem a famosa "greve", eu não sabia de nada. Questionei os presentes sobre a dita greve e entendi que não sabiam nada. Apesar de leccionar matemática parte da minha aula foi passada a explicar-lhes o que é uma greve, como se faz e que deve ser o último recurso. Que não se pode fazer greve só porque os outros fazem.  Mas depois disto, leio no Público declarações do Secretário de Estado, Valter Lemos, que alunos estão a ser “instrumentalizados”. Deixando no ar que são os professores que estão a servir-se dos alunos.  Mas alguma vez os professores desceriam tão baixo, ao ponto de  usar os alunos nas suas lutas? Abra os olhos, os alunos de hoje têm acesso a tanta informação como qualquer um de nós e têm cabeça para pensar.

 

Aliás, se alguém andou a instrumentalizar os alunos, foi o "Engenheiro" quando andou a oferecer os computadores aos alunos, no sentido de comprar votos futuros. Mas parece que se virou o feitiço contra o feiticeiro....

 



publicado por maria mendonça às 18:53
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Segunda-feira, 10 de Novembro de 2008
Olha, quem fala!

 

O passado sábado foi dia de manifestação dos professores contra o modelo de avaliação em vigor.

Logo nas primeiras horas da tarde era ver a Sra. Ministra a dizer que não alterava uma vírgula ao actual modelo, que tinha sido negociado com os sindicatos e quem não estava a cumprir com os compromissos assumidos eram os mesmos sindicatos que agora se manifestavam. Ora bem, uma das raras vezes em que a senhora estava certa e na qual tenho de concordar. Realmente os sindicatos têm o "rabo preso" porque cometeram o erro de assinar um famigerado memorando de entendimento, que não traduzia a vontade dos professores, que supostamente representam. Mas esquece-se a senhora que a manifestação demonstra o sentimento dos professores (pelos números de 85% dos professores) que não se revêem no acordo alcançado pelos sindicatos e que nunca concordaram com o mesmo. Para os sindicatos fica a lição de que quem negoceia com o "diabo" tem de arcar com as consequências. Diz a ministra que não tem confiança para negociar com quem não cumpre os compromissos assumidos.

 

 

E logo de seguida Sócrates diz, e cito,  "Será que é isso que a sociedade portuguesa deseja, isso honra essa parte, pior ainda, é que chegamos à conclusão que alguém assinou com intenção de não cumprir", referindo que o país precisa de "entendimentos, de negociações e de compromissos, que são para ser honrados". Mais uma das raras vezes em que estamos de acordo. Mas, de seguida, lembro-me logo de um pormenor curioso. Então este não é o governo, que após conquistar democraticamente uma maioria absoluta, pôs de lado a maior parte das promessas que havia feito em campanha? Aumentou os impostos, acabou com SCUTS, aumentou o desemprego, não criou os tão propalados 150.000 empregos, etc....

Realmente em termos de faltar ao combinado este governo PS tem também uma maioria absoluta.

Para finalizar tenho de dar os parabéns ao Sr. José Sócrates. Este governo PS conquistou mais uma meta, só não sei se era ambicionada ou não. De acordo com um artigo de um jornal de ontem, este governo acumulou 4 das 5 maiores manifestações já realizadas em Portugal. Apenas em 1980 houve uma maior. Mas nenhuma delas tinha apenas a representação de uma única classe de trabalhadores.

Obrigado José Sócrates.



publicado por maria mendonça às 09:24
link do post | comentar | favorito

posts recentes

Uma aventura no Ministéri...

Comentários do nosso Prim...

No Circo...

Como esta juventude vai.....

Está nas nossas mãos!

Também, vi o Primeiro na ...

Falou o Presidente...

Olha, quem fala!

pesquisar
 
subscrever feeds
tags

todas as tags

arquivos
links
All recipes are on Petitchef Top blogs de receitas


mais sobre mim